Skip Navigation

National Geographic Society This program is distributed in the U.S. and Canada by National Geographic and EHD. [learn more]

Multilingual Illustrated DVD [Tutorial]

The Biology of Prenatal Development




A BIOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO PRÉ-NATAL

.Português [Portuguese]


 
Download English PDF  Download Spanish PDF  Download French PDF  What is PDF?
 

The Fetal Period (8 Weeks through Birth)

Chapter 37   9 Weeks: Swallows, Sighs, and Stretches

O período fetal continua até o nascimento.

Dentro de 9 semanas, o feto começa a chupar o dedo e pode engolir o líquido amniótico.

O feto pode, também, segurar um objeto, mover a cabeça para frente e para trás, mover o maxilar e a língua, suspirar e se esticar.

Os nervos receptores no rosto, nas palmas das mãos e nas solas dos pés podem sentir leves toques.

"Em resposta a um leve toque na sola do pé", o feto dobra o quadril e o joelho, podendo curvar os dedos.

As pálpebras estão agora completamente fechadas.

Na laringe, o aparecimento de ligamentos vocais indica o início do desenvolvimento das cordas vocais.

Em fetos do sexo feminino, pode-se identificar o útero e células reprodutivas imaturas chamadas oogônios que estão se reproduzindo dentro do ovário.

Os órgãos genitais externos começam a se distinguir como masculinos ou femininos.

Chapter 38   10 Weeks: Rolls Eyes and Yawns, Fingernails & Fingerprints

Uma explosão de crescimento entre 9 e 10 semanas aumenta o peso do corpo em mais de 75%.

Dentro de 10 semanas, o estímulo da pálpebra superior faz com que os olhos virem para baixo.

O feto boceja e abre e fecha a boca com freqüência.

Muitos fetos chupam o polegar direito.

Partes do intestino dentro do cordão umbilical estão voltando à cavidade abdominal.

A ossificação está ocorrendo na maioria dos ossos.

As unhas dos dedos das mãos e pés começam a se desenvolver.

As impressões digitais surgem 10 semanas após a fertilização. Elas podem ser usadas como identificação por toda a vida.

Chapter 39   11 Weeks: Absorbs Glucose and Water

Dentro de 11 semanas, o nariz e os lábios estão completamente formados. Como todas as outras partes do corpo, sua aparência mudará a cada estágio do ciclo da vida humana.

O intestino começa a absorver glicose e água engolidas pelo feto.

Embora o sexo seja determinado na fertilização, os órgãos genitais externos agora podem ser distinguidos como masculino ou feminino.

Chapter 40   3 to 4 Months (12 to 16 Weeks): Taste Buds, Jaw Motion, Rooting Reflex, Quickening

Entre 11 e 12 semanas, o peso do feto aumenta em quase 60%.

Doze semanas marca o fim do primeiro terço, ou trimestre, da gravidez.

Distintas papilas gustativas cobrem o interior da boca.
No momento do nascimento, as papilas gustativas estarão apenas na língua e no céu da boca.

As evacuações começam já dentro de 12 semanas e continuam por cerca de 6 semanas.

O primeiro material expelido pelo cólon do feto e do recém-nascido é chamado mecônio. Ele é composto de enzimas digestivas, proteínas e células mortas liberadas pelo tubo digestivo.

Dentro de 12 semanas, o comprimento dos membros superiores quase atingiu sua proporção final em relação ao corpo. Os membros inferiores demoram mais para atingir suas proporções finais.

Com exceção das costas e do topo da cabeça, todo o corpo do feto agora responde a leve toques.

Diferenças de desenvolvimento que variam com o sexo aparecem pela primeira vez. Por exemplo, fetos femininos mostram movimento maxilar mais freqüentes do que os masculinos.

Ao contrário da resposta de se afastar vista antes, o estímulo perto da boca agora provoca uma virada em direção ao estímulo e o abrir da boca. Esta resposta é chamada "reflexo de sucção" e persiste após o nascimento, ajudando o recém-nascido a encontrar o mamilo da mãe durante a amamentação.

A face continua a amadurecer, com o depósito de gorduras preenchendo as bochechas. Tem início o desenvolvimento dos dentes.

Dentro de 15 semanas, células-tronco formadoras de sangue aparecem e se multiplicam na medula óssea. A maior parte da formação de células sangüíneas se dá aqui.

Embora o embrião comece a se movimentar em 6 semanas, uma mulher grávida sente o movimento fetal pela primeira vez entre a 14 e 18 semanas. Este momento marca a percepção do sinal de vida pela mãe.

Chapter 41   4 to 5 Months (16 to 20 Weeks): Stress Response, Vernix Caseosa, Circadian Rhythms

Dentro de 16 semanas, procedimentos que envolvem a inserção de uma agulha no abdômen do feto provocam uma resposta hormonal de estresse, com a liberação de noradrenalina, ou norepinefrina, na corrente sangüínea.

No sistema respiratório, a árvore brônquica agora está quase completa.

Uma substância protetora chamada verniz caseoso agora cobre o feto. O verniz protege a pele contra os efeitos irritantes do líquido amniótico.

A partir de 19 semanas, o movimento, a respiração e o batimento cardíaco seguem ciclos diários chamados ritmos circadianos.

Chapter 42   5 to 6 Months (20 to 24 Weeks): Responds to Sound; Hair and Skin; Age of Viability

Dentro de 20 semanas, a cóclea, que é o órgão da audição, atinge o seu tamanho adulto dentro do ouvido interno, que está totalmente desenvolvido. De agora em diante, o feto responderá a uma crescente variedade de sons.

O cabelo começa a crescer no couro cabeludo.

Todas as camadas e estruturas da pele estão presentes, incluindo folículos capilares e glândulas.

Dentro de 21 a 22 semanas após a fertilização, os pulmões ganham certa habilidade de respirar ar. Esta é considerada a idade da viabilidade, porque a sobrevivência fora do útero torna-se possível para alguns fetos.

Chapter 43   6 to 7 Months (24 to 28 Weeks): Blink-Startle; Pupils Respond to Light; Smell and Taste

Dentro de 24 semanas, as pálpebras reabrem e o feto exibe uma resposta de piscar e se assustar. Essa reação a ruídos altos e repentinos, em geral se desenvolve mais cedo nos fetos do sexo feminino.

Diversos pesquisadores relatam que ruídos altos podem ser prejudiciais à saúde do feto. Conseqüências imediatas incluem o prolongado aumento do batimento cardíaco, das substâncias engolidas e mudanças no comportamento. Conseqüências a longo prazo incluem a perda da audição.

A taxa de respiração do feto pode se elevar a 44 ciclos de inspiração e expiração por minuto.

Durante o terceiro trimestre da gravidez, o crescimento do cérebro consome mais de 50% da energia usada pelo feto. O peso do cérebro aumenta de 400 a 500%.

Dentro de 26 semanas, os olhos produzem lágrimas.

As pupilas respondem à luz desde 27 semanas. Essa resposta regula a quantidade de luz que atinge a retina durante a vida.

Todos os componentes necessários ao funcionamento do olfato estão em ação. Estudos de bebês prematuros revelam a habilidade de detectar odores desde 26 semanas após a fertilização.

A colocação de uma substância doce no líquido amniótico aumenta a taxa em que o feto engole líquido. Por outro lado, o feto engole menos líquido após a introdução de uma substância amarga. Ocorrem também alteração das expressões faciais.

Através de uma série de movimentos da perna semelhantes ao caminhar, o feto dá cambalhotas.

O feto parece menos enrugado porque depósitos adicionais de gordura se formam sob a pele. A gordura tem um papel vital na manutenção da temperatura e conservação de energia após o nascimento.

Chapter 44   7 to 8 Months (28 to 32 Weeks): Sound Discrimination, Behavioral States

Dentro de 28 semanas, o feto pode distinguir entre sons agudos e graves.

Dentro de 30 semanas, os movimentos de respiração são mais comuns e ocorrem de 30 a 40% do tempo num feto típico.

Durante os últimos 4 meses da gravidez, o feto exibe períodos de atividade coordenada intercalado por intervalos de descanso. Esses comportamentos refletem a complexidade cada vez maior do sistema nervoso central.

Chapter 45   8 to 9 Months (32 to 36 Weeks): Alveoli Formation, Firm Grasp, Taste Preferences

Em torno de 32 semanas, alvéolos verdadeiros, ou células contendo ar, desenvolvem-se nos pulmões. Elas continuarão a se formar até 8 anos após o nascimento.

Ao completar 35 semanas, as mãos do feto agarram com firmeza.

A exposição do feto a várias substâncias parece afetar a preferência por sabores após o nascimento. Por exemplo, fetos cujas mães consumiram anis, a substância que dá ao alcaçuz o seu sabor, mostraram preferência por anis após o nascimento. Recém-nascidos que não foram expostos não gostaram de anis.

Chapter 46   9 Months to Birth (36 Weeks through Birth)

O feto inicia o trabalho de parto, com a liberação de grandes quantidades de estrogênio, tendo início a transição de feto a recém-nascido.

O trabalho de parto envolve fortes contrações do útero, que resultam no nascimento.

Da fertilização ao nascimento e daí em diante, o desenvolvimento humano é dinâmico, contínuo e complexo. Novas descobertas sobre esse fascinante processo mostram o impacto vital do desenvolvimento do feto na saúde durante o resto da vida.

Compreender melhor o desenvolvimento inicial do ser humano aumenta nossa habilidade de melhorar a saúde


Add a Comment

Your Name: Log In 3rd-party login: Facebook     Google     Yahoo

Comment: